Inspiração & Ideias

12 dicas para criar a ilusão de um banheiro maior

Todos nós sonhamos com um banheiro enorme, onde não nos sentimos apertados, onde há espaço para ele, para ela, para as crianças, para tudo e mais alguma coisa. Embora este seja um sonho nem sempre fácil de concretizar, existem alguns pequenos truques que pode implementar para criar a ilusão de um banheiro maior. Não tem necessariamente de ser, basta parecer.

1. Branco é melhor

A oferta em termos de elementos sanitários é enorme e, embora, cada vez mais colorida, aposte sempre no branco clássico.Além de ser uma cor que amplia os espaços mais pequenos, nunca é claustrofóbica e combina com todo. Se quiser adicionar um toque de irreverência ao banheiro, faça-o através de torneiras com um design diferente, por exemplo.

2. Outras cores

Os tons claros e frescos – brancos, pastel e neutros – compõem a palete de cores ideal para um banheiro minúsculo porque são tonalidades que refletem a luz, aumentando consideravelmente a percepção do espaço. Escolha uma cor clara e aplique-a nas paredes; escolha uma tonalidade ainda mais clara dessa cor para pintar o teto – o efeito conseguido é genial: as superfícies vão parecer recuar do olhar, o que dará a ideia de um WC bem maior. Quaisquer remates ou apontamentos em madeira também devem ser pintados do mesmo tom das paredes, para se camuflarem, esticando assim o espaço. Este efeito é potenciado se for ainda aplicado aos armários e bancadas. Para evitar a monotonia, utilize apontamentos de cor mais fortes nos acessórios, têxteis, arte e peças decorativas.

3. Ilusão ótica

Existem ainda diversos truques visuais para puxar o olhar para cima, fazendo com que o teto do banheiro pareça substancialmente mais alto. Aposte em riscas verticais, papel de parede com padrões discretos; coloque as molduras em madeira, as bordas dos azulejos ou do papel de parede precisamente no local onde a parede e o teto se encontram; evite papel de parede com padrões muito grandes ou ruidosos que irão diminuir a percepção da escala do espaço.

4. O tamanho importa

Num WC limitado, até as dimensões dos sanitários devem ser minuciosamente estudadas, ou seja, se o banheiro é pequeno porque há de equipá-lo com um sanitário e lavatório tradicional? Procure modelos mais pequenos, passíveis de serem fixados à parede, onde ficam suspensos, libertando e abrindo o espaço. Avalie bem a necessidade de uma banheira em detrimento de uma ducha, o segundo é obviamente a melhor solução para um WC menor, mas que se quer fazer parecer maior… de preferência com portas transparentes para não fechar a divisão. Se tiver uma banheira, troque a cortina – que acaba por dividir e encurtar o espaço – por portas de vidro de correr ou um painel protetor transparente.

5. Portas para que te quero?

Um espaço tão reduzido como são muitos banheiros ficam ainda mais encolhidos devido às suas portas. Embora necessárias para garantir a privacidade inerente a tal espaço, estas têm um papel importante no aumento visual de um WC: podem ser substituídas por portas de correr ou de fole; ou o modelo escolhido pode incluir um vidro fosco que deixe transparecer mais luminosidade (o que amplia sempre qualquer espaço). Numa suite, pode separar as divisões com duas cortinas à entrada do banheiro – se um varão serve para colocar sobre uma janela, porque não sobre uma porta?

6. Faça-se luz

Um banheiro pequeno exige iluminação para não se tornar numa divisão opressiva, onde as paredes parecem fechar-se sobre nós. Se tiver a sorte de ter luz natural no WC não a ofusque com cortinas pesadas, deixe antes a janela a nu ou então com um estore claro ou umas cortinas leves e semitransparentes. Recorra a blocos de vidro, vitrais, vidro fosco ou claraboias para potenciar a luz natural que tem o dom de expandir qualquer espaço. No caso de ter de depender inteiramente da luz artificial, invista em boa iluminação, tanto de teto, como de parede. Há quem goste de colocar um pequeno candeeiro no banheiro… e estaríamos a mentir se não dissermos que empresta um toque de sofisticação inigualável.

7. Prateleiras invisíveis

As prateleiras de vidro aumentam o sentido de espaço de um banheiro porque podem parecer, por momentos, quase invisíveis – ao contrário de armários fechados e pesados. O vidro ou outro material transparente é ainda uma boa opção para as cabines de ducha e as bancadas dos lavatórios, proporcionando um ar muito clean a toda a divisão.

8. Lavatórios discretos

Para ganhar preciosos centímetros, escolha um lavatório em forma de pedestal, com uma base estreita, completada no topo pela bacia em si. Embora perca espaço de arrumação quando comparado com um lavatório com armários embutidos, pode sempre instalar uma prateleira de vidro sobre o mesmo para colocar o essencial. Já alguma vez pensou num lavatório embutido que se abre como uma gaveta apenas na hora de ser utilizado? Um truque muito prático…

9. Curvas e mais curvas

Ao escolher os sanitários e/ou mobília para equipar um banheiro pequeno, considere elementos arredondados, por completo ou parcialmente. Além de libertar espaço, como não existem esquinas, um WC reduzido torna-se instantaneamente mais airoso.

10. Espelho contra espelho

Os espelhos são o melhor truque para se aumentar visualmente um espaço porque ao reproduzi-lo, faz parecê-lo maior do que realmente é. Num banheiro exígua não podem faltar, primeiro porque são uma necessidade e segundo porque vão fazê-la crescer: por exemplo, ao colocar um espelho na parede mais comprida de um WC estreito, irá fazer com que a divisão pareça mais larga. No que toca à exibição dos espelhos, estes devem refletir sempre os elementos mais apelativos da casa do banheiro – um quadro, uma janela com uma vista bonita ou, em último recurso, o ângulo mais largo dessa divisão. Dois espelhos duplicam o efeito – quando colocado um em frente ao outro, criam a ilusão de um espaço que nunca mais acaba.

11. Chão infinito

Estique o espaço visual ao deixar o chão o mais livre possível: sem tapetes, com sanitários esguios ou montados na parede, com armários igualmente fixados acima do chão ou com pés, para não quebrar a vista desses escassos metros quadrados.

12. Organização

A ordem é imperativa num banheiro minúsculo, porque ter muitos elementos espalhados pela divisão irá contribuir para um ambiente caótico, visualmente desagradável e ainda mais diminuto. Sobre a bancada, mantenha apenas o essencial, de preferência utilizando objetos decorativos e práticos igualmente pequenos. O restante deve ser guardado em armários – aproveite todos os nichos disponíveis para embutir ou pendurar prateleiras, cubos ou cestos – de forma organizada. Tire o máximo proveito do pouco espaço disponível e crie um banheiro igualmente agradável.

 

Crédito Imagem: 1

Decorou ou redecorou um espaço?