Inspiração & Ideias

10 ideias para decorar um jardim

Os jardins interiores são espaços especiais, uma vez que combinam a possibilidade de estar em contato com a natureza com o cunho de privacidade inerente ao espaço doméstico. As divisões de uma casa, devem refletir a personalidade e quem nela habita, de modo a proporcionar-lhe sentimento de conforto e pertença. Apresentamos 10 ideias distintas para decorar um jardim, onde certamente será possível encontrar algo que agrade e inspire todos os gostos, mesmo os mais exigentes:

1. Chão

É importante repensar o piso do jardim. Existem várias opções a este nível que, normalmente, são descuidadas ou nem sequer são cogitadas, contudo, o chão do jardim é um elemento fundamental definição do ambiente que se pretende para o jardim. Apesar de o betão e da pedra serem os materiais mais comuns pela sua função indiscutivelmente utilitária, outras opções como o azulejo ou a gravilha podem ser mais originais e encantadoras.

2. Átrio

Apesar de pouco ortodoxo, um átrio pode ser o local perfeito para ter um jardim interior. Se for obstinado, com a quantidade certa de pesquisa e experimentação, encontrará as espécies de plantas e flores adequadas a prosperar nas condições de luminosidade e temperatura fornecidas pelo átrio.
Os jardins em pátios no interior da casa são considerados extremamente modernos e estão associados ao feng shui e às energias zen. Adicionar alguma inclinação ao telhado do átrio é uma boa forma de criar a ilusão de mais espaço.

Precisa de uma decoração mais espaçosa? Veja as nossas preciosas dicas!

3. Vertical ou horizontal

Quando as opções são poucas e o espaço escasseia, resta sempre a possibilidade de optar por um jardim vertical ou horizontal. Neste caso, é especialmente relevante prestar atenção acrescida às necessidades das culturas de plantas e flores elegidas, de modo a que os requisitos de rega e manutenção sejam semelhantes em cada seção do jardim. Os inexperientes não devem hesitar consultar a ajuda de um especialista em jardinagem vertical ou horizontal, dadas as suas idiossincrasias e problemáticas. Esse tipo de jardim é sempre um convite para exprimir o seu artista interior através da combinação de tamanhos, formas, cores e texturas em formas únicas.

4. Jardim nas Alturas

Ter um telhado verde pode parecer uma ideia um pouco inusitada, mas estes jardins de fácil manutenção são uma visão extremamente bem-vinda em cidades de ritmo acelerado, onde o cimento e as luzes brilhantes tendem a dominar o dia a dia dos cidadãos. Canteiros e decks de madeira dão a oportunidade de entrar em contato com a natureza a qualquer momento.

5. Entrada

Uma das características mais importantes para obter uma experiência de jardim inesquecível é apostar numa entrada definida. A entrada de um jardim constitui uma grande oportunidade para criar um efeito dramático que define o tom e o ambiente do espaço verdejante. Aqui, é possível optar por uma infinidade de portões, portas, ou aberturas arquitetônicas, dependendo do gosto e inspiração pessoal do proprietário.

Além da entrada do jardim, a da casa deve estar impecável. Inspire-se aqui para decorar um hall de entrada!

6. Iluminação

Num jardim, a iluminação pode rapidamente fazê-lo passar de algo modesto para um espaço mágico, e será certamente responsável por estender o tempo útil que passa ao ar livre, uma vez que não estará restrito a apreciá-lo em apenas durante as horas diurnas. Para criar um autêntico porto seguro noturno relaxante, basta apostar na instalação de alguns cabos e tubos de eletricidade após a plantação.

7. Dossel de Flores

Um dossel de flores pode ser a adição perfeita para um jardim. A largura, orientação e área do mesmo irão ditar a quantidade de sombra disponível a cada momento do dia. Assim, selecionar a planta certa para o lugar certo pode requerer alguma experiência ao nível de jardinagem, uma vez que será necessário corresponder as necessidades de crescimento da planta com solo e a luz do jardim. Outro aspecto a ter em mente é que se deve antecipar o tamanho que a planta atingirá no seu estado maduro, pois isso pode poupar muitas horas de jardinagem.

8. Incorporar Água

As fontes são uma adição clássica à maioria dos jardins interiores. Contudo, elas podem assumir diversos formatos e cumprimentos, e ser alojadas em partes mais inesperadas do jardim. A água adiciona o elemento de som aos jardins, proporciona um toque supremo de tranquilidade, e permite albergar vida animal (peixes, nenúfares, etc.) e atrair algumas espécies (libelinhas).

9. Jardim Abaixo do Solo

Uma forma inteligente de conseguir incorporar um jardim com terraço ensolarado em locais estreitos é escavar e arranjar espaço abaixo do nível do solo.

10. Casebres

Os casebres são uma boa forma de compor um jardim, além de que possuem uma função bastante utilitária – dependendo do tamanho, podem servir como armazém ou até como quarto de hóspedes.

Crédito Imagens: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11

Decorou ou redecorou um espaço?